Cappuccino caseiro: 5 receitas para reproduzir na sua cozinha

Cappuccino

Uma bebida sempre presente na rotina dos apreciadores de café especial, o cappuccino tem inúmeras versões e receitas. É claro que a versão contemporânea, que é servida nas cafeterias e integra os concursos mundiais de latte art (desenhos decorativos sobre a bebida), leva ingredientes clássicos: espresso e leite, tanto vaporizado quanto em espuma.

Famosíssima na Itália, onde é consumida em um ritual que ocorre principalmente durante o desjejum, a bebida ganhou o mundo. Hoje, o cappuccino é consumido em diversos países e, em cada um, ganha diferentes versões.

Aqui no Brasil, a chegada do inverno leva os apreciadores de bebidas à base de café a consumir mais e mais cappuccinos nas cafeterias. Mas sabia que também é possível preparar versões caseiras do clássico italiano?

A seguir, contamos para você a história dessa bebida secular, cuja criação tem origem no século XVI. Descrevemos também o passo a passo de cinco receitas de cappuccino que você pode preparar em casa. Um atrativo e tanto para incrementar o café da manhã ou a mesa de lanche!

A origem do cappuccino

Dados históricos revelam que o cappuccino surgiu em 1683, durante o desfecho de uma guerra: a libertação de Viena, na Áustria, da invasão do Império Otomano. Repelido pela força local, que lutava contra a invasão islâmica na Europa, o exército inimigo deixou na cidade sacas e mais sacas de café.

Aqui você pode estar se perguntando: mas o cappuccino não é uma bebida italiana? É sim, pois foi Marco D’Aviano, um monge da ordem Capuchinha (enviado à guerra pelo Papa), quem deu aos austríacos a ideia de misturar à bebida de sabor amargo os ingrediente leite e mel.

Assim, além de ser o responsável pela autoria da receita, o monge também deu origem ao nome da bebida amarronzada, de cor semelhante ao traje usado pelos franciscanos: a soma de cappuccio (capuz) e ino (sufixo de diminutivo do idioma italiano) gerou a palavra cappuccino. Na tradução, algo como um “pequeno capuz”.

Vale dizer que, nessa primeira versão, o cappuccino era preparado com café filtrado.

Apenas mais tarde, a bebida que ficou famosa na região de Viena e em toda a Europa ganhou a versão atual. 

Graças à Revolução Industrial e à popularização das máquinas de espresso no mundo todo, o café filtrado foi substituído pela potência dos espressos. E o mel, antes tradicional, acabou sendo abolido da receita.

Versão brasileira e outras

Há séculos, o cappuccino é considerado um patrimônio na Itália.

No país da Bota, a composição da bebida é, basicamente, três partes iguais de café espresso, leite e leite vaporizado.

Nas cafeterias, o preparo do cappuccino é feito em equipamentos profissionais. Cabe ao barista regular a temperatura do café e do leite. A proporção dos ingredientes também é importante, e resulta em um cappuccino cuja qualidade é avaliada de acordo com a textura e espessura entre bebida e creme. Uma delícia!

Mas há variações da bebida, a depender da quantidade de leite usado pelo barista:

Italianas 

O cappuccino chiaro (também conhecido como um “cappuccino molhado”) leva mais leite do que o normal. Já o cappuccino scuro (cappuccino escuro, também conhecido como um “cappuccino seco”) leva menos vapor de leite do que o normal.

Há, ainda, o café latte e o macchiato (ou manchado). No primeiro, há uma dose de espresso e duas vezes o volume de leite quente, mais espuma de leite por cima. Já no segundo, a dose de espresso é apenas temperada com uma pequena camada de espuma de leite. 

Brasileiras 

Já no Brasil, é muito comum agregar ao cappuccino outros ingredientes como chocolate (em pó e derretido), chantilly, doce de leite, canela e até gengibre!

Outra diferença é o horário de consumo: enquanto os brasileiros tomam a bebida a qualquer momento, mesmo após o almoço, na Itália o cappuccino é consumido geralmente no café da manhã. Jamais após às 10h ou depois das refeições principais.

Cappuccinos caseiros

Agora que você já conhece a história e algumas das muitas versões do cappuccino pelo mundo, destacamos cinco receitas para o preparo doméstico da bebida.  

Cappuccino com chocolate em pó

Ingredientes:  

  • 50 g de café solúvel
  • 250 g de leite em pó (integral ou desnatado)
  • 3 colheres (sopa) de chocolate em pó (não pode ser achocolatado)
  • 1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
  • 1 colher (chá) de canela em pó
  • 250 g de açúcar (ou equivalente em adoçante)

Modo de preparo:

  1. Bata o café no liquidificador ou mixer até resultar em um pó fino
  2. Acrescente o café aos demais ingredientes.
  3. Peneire toda a mistura em um bowl e pronto!
  4. A cada preparo, use duas colheres de sobremesa da mistura para uma xícara de água fervente.

Cappuccino Light

Ingredientes:

  • 1 lata de leite Molico
  • 50 g de café solúvel
  • Meio pacotinho de cacau em pó                         
  • 2 colheres de canela em pó
  • 2 colheres de bicarbonato de sódio
  • Açúcar light ou mascavo à vontade

Modo de preparo:

  1. Em um recipiente fundo, coloque o leite Molico, o chocolate em pó, a canela, o bicarbonato, o açúcar e peneire o café solúvel até virar pó ou desfazer todas as bolinhas.
  2. Misture bem.
  3. Use em média duas colheres de sopa para cada xícara de água fervente.
  4. Mexa bem e está pronto.
  5. Para conservar o cappuccino, basta dispor a mistura em um pote hermético.  

Cappuccino com dois leites

Ingredientes:

  • 400g de leite em pó
  • 50g de café solúvel
  • 300g de açúcar
  • 5 colheres de sopa de chocolate em pó
  • 1 colher de sopa de bicarbonato de sódio
  • 1 colher de chá de canela
  • Leite integral para o preparo

Modo de preparo:

  1. Para começar, processe o café solúvel e o leite em pó no liquidificador até resultar em um pó bem fino.
  2. Coloque essa mistura em um pote seco e de fechamento hermético.
  3. Acrescente o açúcar, o chocolate em pó, o bicarbonato de sódio e a canela.
  4. Misture com uma colher até obter uma mistura bem homogênea.
  5. Na hora de preparar a bebida, bata a quantidade desejada de leite integral quente no liquidificador por cerca de 5min.
  6. Para cada 200ml de leite, acrescente 3 colheres de chá de cappuccino bem cheias.

Cappuccino com creme de leite

Ingredientes:

  • 1 copo de água
  • 2 colheres de sopa rasas de café em pó
  • 3 colheres de leite em pó
  • 3 colheres de achocolatado em pó
  • 1 caixinha de creme de leite

Modo de preparo:

  1. No liquidificador, processe o creme de leite, o leite em pó e o achocolatado.
  2. Ferva a água e filtre 1 copo de café sem açúcar (evite perder temperatura no preparo do café).
  3. Derrame o café no liquidificador, junto aos demais ingredientes, e bata até ficar homogêneo.

Está pronto! Mas você pode incrementar a receita reproduzindo desenhos sobre o cappuccino! Para tanto, bata um pouco de leite bem gelado (ou também congelado) com um mixer manual ou uma batedeira até o leite ficar bem espumado.

Derrame um pouco de espuma em cima do cappuccino já servido na xícara e, com um objeto pontiagudo, crie os desenhos.

Para obter outras cores com a espuma do leite, misture-a com chocolate em pó ou chocolate meio amargo derretido.

Cappuccino com doce de leite

Ingredientes:

  • 2 colheres de sopa de doce de leite;
  • 1 xícara de café (melhor se for espresso);
  • 1/2 copo americano de leite quente;
  • Raspas de chocolate.

Modo de preparo:

  1. Coloque as colheradas de doce de leite no fundo do copo americano.
  2. Despeje o café e o leite (não tem problema se misturar).
  3. Por cima, decore com as raspas de chocolate.
  4. Sirva em seguida.

Gostou das dicas? Testou receitas de cappuccino caseiro que fizeram sucesso? Conte sua experiência pra gente e até a próxima xícara!

O que você achou desse post?
  • Ótimo (2)
  • Útil (1)
  • Poderia ter mais informações (1)

Você também pode gostar desses posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *