Dia 17 de agosto é o Dia do Pão de Queijo!

Dia 17 de agosto é o dia do Pão de Queijo e, como boa mineira que é, a u.Coffee não poderia deixar de comemorar essa data.

Mas, para começar a falar desse quitute, precisamos voltar ao século XVIII, que é onde parece começar sua história. Parece porque, na verdade, não se sabe ao certo como se deu a criação do pão de queijo. Mas uma coisa é certa: ele é mineiro!

História

Em 1700, aproximadamente, as minerações motivaram um intenso fluxo de pessoas em direção às Minas Gerais. A aglomeração de pessoas causou, entre outros problemas, a escassez de comida. Apesar do estímulo à produção de alimentos básicos causado pelos altos preços advindos da escassez, os principais produtores não conseguiam suprir a demanda ou manter entregas regulares.

Assim, havia dificuldade para conseguir um produto em específico, que muitas vezes chegava às cozinhas com qualidade imprópria para consumo: a farinha de trigo. As cozinheiras das fazendas passaram, então, a utilizar uma espécie de farinha à base de mandioca; ou, como chamamos, polvilho.

A receita era simples: ao polvilho eram adicionados ovos, leite e, como era costume, pedaços de queijo endurecido que sobravam de outras refeições. A massa era enrolada em bolinhas e assada, dando origem aos famosos pãezinhos.

Tantos anos mais tarde, o pão de queijo se mantém uma delícia. Mais do que isso, até hoje é presença constante em lanches e cafés da manhã. Seja em Minas ou em outros cantos do Brasil, não há dúvidas de que esse quitute tem um lugar especial no coração dos (inúmeros) apreciadores.

 

E não há quem negue que, melhor do que apenas degustar um bom pão de queijo, é comê-lo apreciando um café recém-passado. Trata-se de uma tradição sem nenhum registro de surgimento mas, dos mais velhos aos mais novos, todo mundo sabe que café com pão de queijo é uma combinação sensacional!

Aqui na u.Coffee a gente leva as tradições muito a sério, e vamos aproveitar a ocasião para passar para vocês nossa receita especial (e super fácil de fazer) dessa iguaria mineira!

Você vai precisar de:

1 kg de polvilho doce

800 g de queijo meia cura ralado

4 a 5 caixinhas de creme de leite

Misture o queijo ao polvilho numa vasilha e acrescente o creme de leite aos poucos. Mexa a mistura até formar uma massa. Para enrolar, unte as mãos com óleo e faça pequenas bolinhas, distribuindo-as num tabuleiro com espaço o suficiente para deixá-las crescerem. Pré-aqueça o forno a 200-220º por 10 minutos e coloque para assar. Fique atento: o tempo de preparo pode variar, mas costuma durar de 30 a 45 minutos. Tire o tabuleiro do forno depois que os pães de queijo estiverem secos por cima e começarem a dourar!

DICA: se não pretende consumir toda a receita em um lanche só, faça o mesmo processo de enrolar; dessa vez, pode deixar as bolinhas mais juntas no tabuleiro. Coloque o tabuleiro no congelador e, depois de um tempo, tire e guarde as bolinhas já congeladas em saquinhos. Assim, seus pães de queijo  poderão ser assados em outras ocasiões.

 

Hoje nós fizemos nosso lanche com o café Schott preparado com filtro de papel e ficou muito gostoso! Fica aí a recomendação. Mas já combinamos pães de queijo com nossos cafés e nenhum deixa a desejar! Encontre o café que é a sua cara utilizando nossa ferramenta, combine-o com um delicioso pão de queijo e nos conte o que achou, ok?

O que você achou desse post?
  • Ótimo (0)
  • Útil (0)
  • Poderia ter mais informações (0)

Você também pode gostar desses posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *