Bulletproof coffee: o que é, como fazer e benefícios

Bulletproof Coffee

Se você quer ter disposição de super-herói, precisa conhecer o bulletproof coffee. O coquetel que mistura café de qualidade superior a gordura e óleos saudáveis já é febre entre o público que quer perder peso, turbinar o cérebro e viver mais. Também conhecido por café blindado, turbo ou cetogênico, pode ser chamado de a bebida dos superpoderes. Aliás, Dave Asprey, o empresário de Seattle (EUA) que trouxe o café à prova de balas para o Ocidente, pretende viver até os 180 anos. E o consumo do café power é um dos trunfos listados por ele para chegar lá.

Duvida? Pois basta conhecer a origem da bebida do momento para ter uma ideia do que ela é capaz. Lembrando que uma das condições básicas para aproveitar 100% das propriedades do bulletproof é prepará-lo com os ingredientes certos.

Aqui, contamos como a mistura de café de qualidade (sem a presença de micotoxinas), manteiga sem gordura (ghee, de preferência) e óleos benéficos como o de coco é capaz de transformar o cotidiano de gente como a gente. Ah, uma rotina cheia de compromissos não é desculpa: o preparo do bulletproof leva menos de dois minutos. Confira!

Quais são os benefícios do café à prova de balas?

Para falar sobre os poderes do bulletproof, vale um resgate sobre a origem, milenar e atribuída ao Tibet, e a “descoberta” e difusão da bebida no mundo ocidental. Tudo começou lá atrás, pois a bebida é comum na dieta de povos nativos de países como Índia e Nepal, além do Tibet (província chinesa). Nessas regiões, geralmente montanhosas e ou geladas, o consumo de bebidas associadas à gordura benéfica presente em alguns tipos de manteiga e em óleos é importante para fornecer energia e calor ao corpo. Entre os principais benefícios do consumo, especialistas apostam em:

  • Melhora na concentração
  • Melhora na memória
  • Mente mais alerta
  • Redução do cansaço
  • Mais energia física e mental
  • Mais saciedade

Você sabia? Quem popularizou o café blindado no mundo é um cara contemporâneo: Dave Asprey, autor do livro “The Bulletproof Diet” e fundador da empresa Bulletproof, sediada em Seattle (EUA). O empresário de tecnologia a favor do prolongamento da vida conheceu a bebida durante uma viagem ao Tibet.

Após longa caminhada, Dave chegou acabado a um abrigo e provou a mistura de chá com manteiga de leite de iaques, um bovino selvagem da região. Após o consumo, recuperou o viço e a força, admirado. O efeito é mesmo real. Logo, Asprey, que se auto intitula biohacker, percebeu estar diante a uma grande fonte de energia. E de um mercado promissor. Assim, estudou a fundo a bebida, fundou a empresa de mesmo nome e, desde então, vem difundindo o consumo que, com base em investigações científicas, traz efeitos benéficos para a saúde.

Como o bulletproof coffee funciona?

No Brasil, o bulletproof coffee é assunto recorrente nas academias e entre o público interessado em qualidade de vida. Mas também um tanto controverso, pois muitos ainda não sabem ao certo quais são os benefícios de incluir a bebida na dieta e quem pode recorrer a tais propriedades.

Uma das mais badaladas é o processo conhecido como autofagia, prática que remete ao jejum e objetiva, basicamente, a renovação celular.

Mas, por si só, a bebida traz propriedades e também pode (e deve) ser consumida junto a outros alimentos.

Quem justifica é a nutricionista funcional Cristina Marques. “Essa bebida milenar, oriunda do Tibet, promove melhor desempenho cognitivo e saciedade, entre outros benefícios”. E segue: “O consumo de café de qualidade (livre de micotoxinas e de preferência orgânico) aumenta a termogênese do metabolismo pela ação da cafeína. A manteiga Ghee, sem resíduos de lactose e também orgânica e livre de toxinas, é uma boa fonte de gordura saturada, assim como o óleo de coco. Aliás, os triglicérides de cadeia média ou TCM, presentes nesses tipos de gorduras promovem a queima de tecido adiposo com mais facilidade”, explica.

Como fazer bulletproof coffee?

Já citamos no topo deste post que a escolha do grão de qualidade para o preparo do café blindado é fundamental. Palavra de quem trouxe a bebida para o Ocidente e faz dela o principal braço dos negócios, Dave Asprey.

“Os cafés de baixa qualidade estão lotados de micotoxinas, originárias de mofo e fungos, substâncias que podem causar câncer, enfraquecer o metabolismo e gerar inflamações”.

Ele também aponta tais substâncias como vilãs do sabor. Daí, o mais indicado é preparar a bebida com grãos de qualidade e de sua preferência. Na dúvida? A u.Coffee te ajuda a escolher o café especial  ideal para o seu gosto. 

Com o melhor grão em mãos, dica de expert é a seguinte receita:

Ingredientes:

  • 1 xícara de café filtrado;
  • 1 colher de sopa de óleo de coco;
  • 1 a 2 colheres de sopa de manteiga sem sal ou ghee (manteiga clarificada);

Modo de preparo:Mixer bulletproof

Com a manteiga em temperatura ambiente, bata tudo no liquidificador ou mixer por 20 a 30 segundos. O objetivo é atingir uma consistência cremosa.

Vale dizer que o sabor do bulletproof é caracterizado como delicioso, principalmente quando associado a cafés especiais e ao óleo de coco.  

 

Quem pode consumir o café à prova de balas?

Cristina Marques reforça que a bebida deve ser introduzida na dieta com atenção. “Na maioria dos casos, indico bulletproof em jejum, para que o organismo se acostume a utilizar a gordura na obtenção de energia. E, geralmente, associado a uma atividade física matinal.”

Portanto, a bebida deve ser consumida logo ao despertar, sem a companhia de outros alimentos e antes de atividades físicas.

Se o principal objetivo é emagrecer, a nutricionista indica ao usuário fazer a próxima refeição apenas no almoço. E lembra: “O bulletproof funciona ainda melhor quando empregado em uma dieta pobre em carboidratos. No entanto, a indicação deve ser sempre baseada na individualidade bioquímica de cada consumidor/paciente.”

Benefícios x contra-indicações

Cristina informa que pacientes que consomem bulletproof relatam melhora em relação ao aumento da performance cerebral (atenção, velocidade cognitiva e resposta a demandas). Também auxílio no controle de peso (mais sensação de saciedade e ou de disposição para malhar). No entanto, pondera. “Tais benefícios variam de acordo com o metabolismo de cada indivíduo. Algumas pessoas podem sentir imediatamente. Outras podem levar mais tempo ou até mesmo não relatar diferença”.

Ela lembra ainda que essa bebida não é recomendada para pessoas que não se adaptam ao jejum. E nem para crianças, gestantes, hipertensos, portadores de glaucoma, incontinência urinária, osteoporose, insônia, ansiedade extrema, Síndrome do Intestino Irritável ou doenças inflamatórias intestinais. “A menos que um médico recomende ou libere”, atesta.

Conclusão

Por mais que você tenha benefícios com o consumo da bebida, o nutricionista é quem deve orientar quanto ao tempo de uso e outros detalhes da dieta com bulletproof. “Nosso corpo precisa de equilíbrio alimentar. Acredito que podemos, sim, utilizar uma bebida como o bulletproof para alcançar bem-estar e outros objetivos. Mas sempre respeitando nossa individualidade e estilo de vida. Simplesmente adotar um tipo de alimento não é a salvação. O melhor é sempre procurar a ajuda de um profissional antes de iniciar qualquer mudança na alimentação. Sua saúde agradece”, encerra.

Agora que você já sabe como preparar o bulletproof coffee, que tal descobrir os cafés especiais que mais combinam com seu paladar e estilo de vida? Conheça a ferramenta de indicação de cafés especiais da u.Coffee. Aqui, ajudamos você a percorrer uma jornada personalizada no consumo de cafés de qualidade; são grãos selecionados entre os melhores produtores do país e ideais para diversos métodos de preparo. Vamos juntos?!

O que você achou desse post?
  • Ótimo (0)
  • Útil (0)
  • Poderia ter mais informações (0)

Você também pode gostar desses posts:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *